[resenha] Conheça mais uma história de Rosemary Beach: Á Sua Espera - Abbi Glines

Nome: Á Sua Espera
Autora: Abbi Glines
Editora: Arqueiro
Série: Sem Limites (#10)
Páginas: 240 | Classificação: 5/5
Gênero: Romance, New Adult, Drama
CompreSaraiva | Amazon | Submarino

Mase sempre preferiu a vida simples em seu rancho no Texas à agitação do mundo do pai em Rosemary Beach. Na verdade, ele quase nunca visita o famoso astro do rock e Nan, sua meia-irmã mimada e egoísta. Mas tudo muda quando conhece uma das empregadas da casa, uma garota linda que, sem saber da presença dele, o desperta com seu canto desafinado.
Depois de anos sendo maltratada pela família e pelos colegas por causa de um distúrbio de aprendizagem, Reese conquistou sua liberdade e mora sozinha trabalhando como diarista para as famílias ricas da cidade. No entanto, seu sustento fica ameaçado quando ela causa um acidente na casa de Nan Dillon.
Ao ser salva por Mase, um rapaz atencioso e com charme de caubói, Reese fica surpresa pelo gesto dele e, depois, apavorada quando ele demonstra interesse nela. Nunca na vida Reese conheceu um homem em quem pudesse confiar. Será que Mase pode ser diferente?
Nessa ardente paixão que nasce entre a doce e batalhadora Reese e o centrado e sexy Mase, Abbi Glines mais uma vez mescla tristezas da vida real com amores de contos de fada e nos faz suspirar até a última página.

Primeiro preciso dizer que eu conheci essa série a algum tempo atrás, li um dos livros e não gostei muito por serem muitos livros em uma série só. Encontrei esse sem ter ideia que ele fazia parte de Rosemary Beach, mas ao ler o amor foi instantâneo e me tornei fã da autora. Eu não gosto muito de livros com continuação da mesma história, mas para esse abrirei uma exceção.  

Mase e Reese se conhecem após uma cena constrangedora enquanto ela faxinava a casa do pai dele. A atração era forte e ambos perceberam isso, mas Mase não procurava uma aventura com uma funcionária do pai e Reese não se envolvia nunca e com ninguém. Porém, após esse encontro, a curiosidade de Mase sobre ela só crescia e ele se vê ligado a ela. Uma inexplicável vontade de saber mais sobre ela e estar próximo sobrepujava tudo nele.

Reese teve um passado horrível, que a marcou profundamente e que ditava sua vida. Tudo que passou a forçou a viver solitária, pois confiar em quem que fosse sempre seria um erro. Em Rosemary Beach, ela havia encontrado seu lugar e alguns amigos, e ela era feliz lá, finalmente deixando tudo para trás. Mase mexia com seus sentimentos, mas ela sabia que havia muitas coisas que impediam um relacionamento mais íntimo, principalmente o fato de ela não confiar em homens. Porém, perto dele Reese não sentia medo, e isso já era motivo suficiente para não se envolver. Ela simplesmente não podia baixar a guarda.

"Eu gostava de Reese. Gostava da mulher que ela era. De início, tive receio de que fosse pena e que meus sentimentos estivessem misturados com compaixão e vontade de ajudá-la.
  Agora eu não pensava mais assim. Reese não queria pena. Não precisava disso. Ela era forte. Muito mais do que eu achara a princípio."

Mase não conseguia explicar o que sentia por Reese, mas uma coisa ele sabia: não perderia ela de vista, mesmo sua casa sendo no Texas. Os dois começam uma amizade improvável, que surpreende e acalenta a ambos. Eles começam a fazer parte da vida um do outro, e mesmo com a distância, o desejo só crescia. Porém, ainda existem muitas coisas não ditas, e muito a ser descoberto. Será que esse romance acontece? 

" Mase eliminou a distância entre nós, ergueu as mãos e tomou meu rosto entre elas. Meu corpo se retesou, mas relaxou quase imediatamente. O cheiro dele chegou até o meu nariz e isso me tranquilizou.
   - Vou beijar você agora Reese. Não consigo mais me segurar." 

Foi BEM difícil contar sobre esse livro, porque ele é simplesmente maravilhoso. Toda vez que eu começava a escrever a resenha eu percebia que estava falando demais e apagava. Eu posso dizer que este, junto com O Acordo (Elle Kennedy) foi o melhor New Adult que eu li este ano. A história de Reese é tão envolvente e tão cativante que você fica vidrado. Eu fui completamente fisgada por todo o drama de seu passado, e preciso dizer, drama não é a minha praia.

"Mase
  Detestava que ele estivesse tão perto da verdade. Reese estava nos meus pensamentos a maior parte do dia, todos os dias. Eu aguardava a ligação dela com muito mais ansiedade do que deveria. Mas, caramba, a voz dela me fazia sorrir. Ouvi-la tão entusiasmada com seus progressos também me contagiava."
Eu pensei que seria só mais um romance apimentado com um drama água com açúcar, mas foi muito além disso. Quando entendi a história de Reese, não só chorei por ela, mas parei para pensar em como isso deve ser comum, e eu apenas desconheço a realidade alheia. Foi tocante e emocionante ver uma pessoa lutar contra a maré e ser diferente, e sobreviver. Mase não teve nenhum passado traumático ou algo do tipo, mas possuía feridas na alma tão profundas quanto as de Reese, e ouvir a história do ponto de vista dos dois nos permite entender como essas feridas afetavam suas decisões e sentimentos.

" Reese
   Não podia imaginar nada que eu já não possuísse agora... exceto uma coisa. Mas eu sabia que desejos não mudam o passado. Não podiam mudar o que já tinha acontecido. Então mentalizei um pequeno agradecimento pelo que recebi e soprei a vela."

Como se não bastasse toda essa carga emocional (que foi na medida certa - não te deixa deprimida mas também não te deixa indiferente) temos o romance improvável e aparentemente impossível que nos deixa curiosos até a última linha. Os acontecimentos são tão inesperados que a adrenalina dos personagens passa para o leitor. Acredito que Abbi descobriu a fórmula perfeita para um new adult de qualidade: muitas surpresas, emoções a flor da pele, segredos, enredo surpreendente e aquele romance bem apimentado. Nunca li nada nem um pouco parecido como o que ela escreve, e é impossível não reconhecer uma obra de qualidade quando se lê uma. 

" Era de desmaiar. Esse homem e suas palavras.
  Sorri. Estava tão feliz de vê-lo que não conseguia esconder. Sabia que estava com um sorriso bobo no rosto. Eu sempre ficava assim quando estava eufórica. Ter Mase aqui me deixava eufórica. Não esperava vê-lo de novo tão rápido e, depois da semana que eu tinha tido, eu precisava disso.
  O simples fato de estar com ele já resolvia tudo."
A trajetória do livro é bem surpreendente. e ao final eu fiquei em choque. Li a última página umas dez vezes só para ter certeza de que eu não estava imaginando coisas, e passei meia hora pesquisando na internet a continuação. Se você gosta do gênero, precisa ler! Ouçam o conselho de alguém que não gosta de sequências, e de uma fã de um bom new adult. Decidi dar uma chance para os demais livros da série, pois os personagens que aparecem neste livro me deixaram curiosa, querendo saber mais sobre eles. Simplesmente LEIAM!!!



isabela ottoni

14 comentários:

  1. Oiê!
    Sinceramente, não gosto nem um pouco do estilo dessa autora e me surpreendeu o fato de você dizer que o livro vai além de um "romance apimentado e água com açúcar", mas mesmo com toda a sua crítica positiva não consegui me interessar pelo enredo e como já li um livro dessa autora e metade de outro porque achei tão enfadonho que não consegui finalizar, passo essa dica.
    Bjss

    ResponderExcluir
  2. Eu tenho curiosidade com os livros da Abbi mas nem todos dessa série me interessam. Eu gostie de ver a sua resenha e conhecer a sua opinião sobre a obra. Acho essa capa linda.

    ResponderExcluir
  3. Oi, tudo bem?
    Eu gosto muito da escrita da Abbi, mas me irritei tanto com os livros do Rush e da Blaire que desisti da série totalmente, apesar dos elogios.
    Bjs

    ResponderExcluir
  4. Oii
    Que bom que gostou da leitura, mesmo ela sendo bem "contra" a a maioria das coisas que você gosta (é série, tem drama e por ai vai)... hahaha
    Deve ser bem dificil não gostar de livros com continuações, afinal, hoje o que mais se vê no mercado editorial são autores continuando suas obras (mesmo que algumas não precisem, ou percam completamente a qualidade).
    Por enquanto vou guardar a dica, não pareceu ser um livro que eu iria gostar. =)

    vicioseliteratura.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  5. Oiii Isa, tudo bem?
    Infelizmente dessa vez a obra não despertou meu interesse, por isso irei pular a dica, mas parabéns pela sua resenha que ficou demais e linda!
    Beijinhos da Morgs!

    ResponderExcluir
  6. Olá, tudo bem?
    Para ser sincera, a capa não me chamou atenção e nem mesmo a sinopse. Acho que não é o tipo de história que eu leria. Mas ouço bastante coisas positivas sobre a autora.
    Beijos e ótima resenha!

    ResponderExcluir
  7. Oie amore,
    Adorei o livro, mas o que não curti muito é o fato de ser em e-book, não tenho muito gosto em ler e-books pra ser sincera.
    Ainda assim, acho que daria uma chance, principalmente pelo fato de você falar que é um livro maravilhoso.
    Beijokas!
    www.facesdeumacapa.com.br

    ResponderExcluir
  8. Não sou muito fan de romances, mas até que essa história parece ser interessante!
    Achei sua resenha muito bem escrita, gosto muito quando colocam citações do livro!
    Beijos!

    ResponderExcluir
  9. Estou louco para iniciar minha trajetória no New Adult, e sei que Abbi é uma das melhores nesses gênero! Quero muito ler algo dela em um futuro que eu espero que seja breve! Apesar de tudo de positivo que você falou , não dá para iniciar uma série tão grande como essa agora .rsrsrs Estou com algumas coisas para ler e adicionar uma série tão grande agora iria atrapalhar o curso de algumas coisas que são prioridades. Quero muito ler Abbi , por que ela ahaza!!! Beijos do Wes *_*

    www.facesemlivros.com

    ResponderExcluir
  10. O livro é ótimo mesmo, fiquei apaixonada pelo Mase. Poucos são homens que encaram uma barra como a que Reese tinha. Ele foi sensacional. Agora desejo muito ler a continuação.
    Bjs

    ResponderExcluir
  11. Oi!
    Já li três livros da Abbi e gostei da escrita dela, mas por enquanto não estou querendo continuar porque são muitos livros e tenho outros projetos, mas pretendo ler em breve, apesar de alguns deles terem críticas bem negativas.
    bjs e parabéns pela resenha!

    ResponderExcluir
  12. Não é ótimo quando um livro mexe com nossas emoções desse jeito? Com romances só a Julia Quinn e a Kiera Cass me fizeram sentir assim. Nunca li nada da Abbi, então acho que vou colocar esse na wishlist. Vai que viro fã também, né?

    ResponderExcluir
  13. Olá !!! É tão bom quando uma leitura mexe com a gente de alguma forma. Os livros da autora são muito bons, vale a pena a leitura. Gostei da sua resenha !!! super bjooooo

    ResponderExcluir
  14. Oi, Isa ^^
    Bom, eu não fiquei interessado nessa obra quando a mesma foi lançada por conta da capa, para mim não trazia um ar inovador aos enredos já existentes, sabe. Infelizmente, capa é o que nos chama a atenção. Mas fico feliz em ver que você quebrou isso e nos apresentou um enredo pra lá de interessante, viu.
    Fiquei muito tentado a querer saber qual é o passado trágico da Reese que te levou até a pesquisar a fundo sobre o ocorrido.
    O romance dos personagens não me parece forçado, eles estão lutando para que não ocorra e isso por si só me chamou atenção, pois retira o sentimento de romance forçado que a maioria das obras tem.
    Parabéns pela resenha e por abrir os meus olhos a essa leitura, Isa. Com toda a certeza darei uma oportunidade a obra. ^^
    Bjs

    ResponderExcluir

Instagram